Promotor instaura inquérito civil para investigar ex-prefeita de Luzilândia Ema Flora

Ex-prefeita Ema Flora (Foto: Divulgação)
O Ministério Público do Estado do Piauí, por meio do Promotor de Justiça Maurício Verdejo G. Júnior, instaurou um inquérito civil com o objetivo de investigar possíveis irregularidades na gestão da ex-prefeita de Luzilândia, Ema Flora Barbosa de Souza. A portaria foi publicada nesta quarta-feira (4) no Diário Oficial Eletrônico do MP.
O promotor considerou o acórdão nº 3.341/2016, oriundo do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI), apontando irregularidades na prestação de contas do município de Luzilândia, correspondente ao exercício de 2014.
Nesse julgamento realizado pelo TCE-PI, foram encontradas irregularidades referentes as falhas em Prestação de Contas, nas contas de governo, relativa a abertura de créditos adicionais e gasto com pessoal acima do limite legal e nas contas de gestão, ausência de licitação em relação a aquisição de material de construção.
O promotor determinou que notificasse a ex-prefeita Ema Flora para que preste esclarecimentos, no prazo de 20 dias, sobre as irregularidades apontadas no processo TC no 015431/2014 – Tribunal de Contas do Estado do Piauí, encaminhando com cópia do voto do referido processo.
Fonte: RevistaAZ.com.br 

. Anuncios

WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.08
WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.09
WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.09 (1)
WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.09 (2)
WhatsApp Image 2021-07-22 at 3.35.17 PM
WhatsApp Image 2021-08-16 at 9.01.22 PM
png Super Vale (1)

© Blog Na Mira da Mídia | 2021 | Direitos Reservados

Desenvolvido por: Nichollas Castro (61) 98440-4851