Alunos de Luzilândia conquistam prata na Mostra Brasileira de Foguetes no Rio de Janeiro

A Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG), que ocorre paralelamente à
Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) é um evento que a cada
ano recebe um numero maior de alunos, é uma olimpíada inteiramente
experimental. Consiste em construir e lançar foguetes o mais distante possível,
a partir de uma base de lançamento. Os Foguetes e bases de lançamentos são
construídos por alunos individualmente ou em equipes de até três
componentes. 
Uma boa dedicação
faz o sucesso alcançar qualquer distância. E foi com essa sensação de empenho
que três estudantes da Unidade Escolar Luís Teixeira de Luzilândia,
conquistaram a medalha de prata durante a fase nacional da 14ª Mostra
Brasileira de Foguetes (MOBFOG), idealizado pela Olimpíada Brasileira de
Astronomia (OBA), realizada em Barra do Piraí (RJ). A mostra aconteceu entre os
dias 22 e 25 deste mês.
O sucesso das competições tem estimulado municípios e estados a
organizar disputas entre estudantes de suas redes de ensino. A competição
em nível nacional este ano reuniu 51 equipes de todo o
Brasil. Esta edição contou com alunos da escola Luís Teixeira de
Luzilândia, a unica escola da 2ª GRE que foi selecionada para participar do
evento, uma das poucas do Piauí.
Os estudantes Reginaldo Cruz de Oliveira, Italo Melo de Andrade e
Anderson Carlos Alves dos Santos, acompanhados do professor Leonardo
Lopes concorreram no nível 3, referente ao ensino médio, apesar de alguns
problemas no primeiro dia de lançamento conquistaram a medalha de prata após
conseguir lançar o foguete a 130 metros durante a etapa nacional na cidade de
Barra do Piraí, local em que ocorre as finais.  “No segundo dia
apesar dos problemas nosso foguete conseguiu atingir 130m, e foi isso que nos
garantiu medalha de prata”. Comenta Leonardo. 

A jornada teve duração de quatro dias, os estudantes participaram
de cursos, oficinas, workshops,  assistiram a palestras sobre
tecnologia de foguetes com engenheiros da Agência Espacial Brasileira (AEB) com
profissionais do Instituto de Aeronáutica, participam de mini curso para
construção de foguetes e planetários. “O evento é extremamente organizado,
nós aprendemos muito, de forma que ano que vem certamente nós vamos lá buscar
esse ouro”, destaca Leonardo.
Do estado do Piauí foram seis equipes ao todo a participar do evento,
duas equipes de institutos federais, Instituto Federal de Floriano e Instituto
Federal de Parnaíba, e quatro equipes de escolas públicas. Das equipes
piauienses quatro obtiveram medalha de prata, inclusive a equipe luzilandense,
as outras duas não foram bem em nenhum dos lançamentos, receberão somente
menção honrosa pela participação. 

Os
alunos revelam a emoção de ter participado pela primeira vez do evento e
ter voltado pra casa trazendo a medalha de prata. Me sinto grato por ter
participado de um evento grandioso, uma felicidade imensa estar representando
Luzilândia, o Piauí e principalmente minha escola Luís Teixeira,
disse Reginaldo. Foi uma gratificação enorme, uma emoção que não se
mete, estávamos lá em busca de um sonho, estar entre os melhores do
país a gente conseguir uma prata em meio a todo esse pessoal é uma felicidade
enorme.  Disse Italo Andrade. Me senti importante levando a bandeira
da nossa escola, do nosso município e do nosso estado, fomos vencedores só de
ter chegado lá. Finaliza Anderson Carlos. 

Por Ricardo Vale,
Blog Na Mira da Mídia.

. Anuncios

WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.08
WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.09
WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.09 (1)
WhatsApp Image 2021-07-17 at 07.59.09 (2)
WhatsApp Image 2021-07-22 at 3.35.17 PM
WhatsApp Image 2021-08-16 at 9.01.22 PM
png Super Vale (1)

© Blog Na Mira da Mídia | 2021 | Direitos Reservados

Desenvolvido por: Nichollas Castro (61) 98440-4851